Técnico de boxe de McGregor acredita em vitória por nocaute sobre Floyd

Por Leonardo Sambaqui

Quando entrarem no ringue no dia 26 de agosto, em Las Vegas, Floyd Mayweather e Conor McGregor colocaram frente a frente um cartel de 49 vitórias e muitos títulos no boxe contra um estreante na “nobre arte”. Racionalmente, não é difícil apontar quem é o grande favorito para vencer o confronto. No entanto, segundo a equipe do irlandês, em momentos adversos assim, o campeão peso-leve do UFC sempre se superou e trilhou seu caminho de sucesso.

– Acredito que ele vai entrar lá e conseguir a vitória. Ele acredita nisso e toda a equipe também. Na verdade, acho que ele vai entrar no ringue e vencer Floyd Mayweather por nocaute. Conor faz coisas excepcionais o tempo todo. E ele tem certeza que vai chegar lá e derrotar Floyd. E, na minha cabeça, não tenho dúvida que ele vai conseguir fazer isso – afirmou Owen Roddy, técnico de boxe de Conor McGregor, ao podcast “The MMA Hour”.

A declaração de Roddy vai de encontro ao que afirmou o técnico principal de McGregor na equipe SBG Ireland, John Kavanagh, que alertou aqueles que duvidam da capacidade de Conor em surpreender os críticos.

– Conor não aceitaria fazer essa luta se ele não tivesse 100% de certeza que pode sair vencedor. E nós acreditamos que ele vai ganhar. Se alguém pode ir lá e fazer algo extraordinário – no papel, é uma missão muito difícil – esse alguém é Conor McGregor. Sempre duvidaram dele, mas ele sempre foi lá e chocou o mundo – concluiu Owen Roddy.

Owen Roddy Conor McGregor Treino aberto UFC 194 (Foto: Getty Images)Owen Roddy é responsável por afiar o boxe de Conor McGregor no UFC e na luta contra Mayweather (Foto: Getty Images)

Aos 28 anos, McGregor fará a sua estreia no boxe contra um dos maiores pugilistas da atualidade. Floyd Mayweather, de 40 anos, tem 49 vitórias em uma carreira invicta na modalidade e conquistou cinturões em cinco categorias de peso diferentes. Apelidado de “May-Mac” na imprensa americana, o confronto deve movimentar pelo menos US$ 500 milhões ( mais de R$ 1,6 bilhões) e, segundo o presidente do UFC, tem grandes chances de bater o recorde de venda de pay-per-view da história do mundo das lutas.

 

Related posts

Leave a Comment