Descoberto primeiro asteroide extrassolar que se fixou no Sistema Solar

Por Henrique Resende –

Cientistas descobriram o primeiro asteroide extrassolar que se fixou no Sistema Solar, na órbita de Júpiter, revela um estudo hoje publicado

NAS02 – 20030307 – LONDON, UNITED KINGDOM : (FILES) A undated NASA handout image of Jupiter’s Great Red Spot with the moon ‘Io’ (L). Breathtaking images of Jupiter captured by a NASA spacecraft on its way to Saturn were made public for the first time, Friday, 07 March 2003. The pictures, beamed 400 million to Earth from the American space agency’s Cassini spacecraft, are being analysed by scientists. As well as providing dramatic new views of Jupiter and its moons, they have turned at least one scientific assumption about the giant planet upside down. Cassini was launched in October 1997 on a mission to Saturn, which it should reach in July next year. EPA PHOTO NASA/mda

O“2015 BZ509”, com origem fora do sistema solar, está ‘aninhado’ na órbita de Júpiter, o maior planeta do Sistema Solar.

Para os investigadores, perceber exatamente como o asteroide se fixou no Sistema Solar, em vez de o atravessar e seguir na sua trajetória, poderá fornecer novas pistas sobre a formação dos planetas, a evolução do próprio Sistema Solar e a possível origem da vida.

Ao contrário dos planetas do Sistema Solar e da maioria dos outros corpos celestes, que orbitam o Sol na mesma direção, o “2015 BZ509” transita na direção oposta, tem o que se chama ‘órbita retrógrada’, o que pode explicar a sua origem.

Segundo os autores do estudo, a proximidade das estrelas, ‘auxiliada’ pelas forças gravitacionais dos planetas, ajuda os sistemas estelares “a atraírem, a removerem e a capturarem asteroides uns dos outros”, refere uma nota da Royal Astronomical Society.

O estudo foi divulgado na publicação Monthly Notices, da Royal Astronomical Society.

Related posts

Leave a Comment