Elegância no prato: 3 receitas em que o cogumelo é a estrela

Por Gabriela Balberde –

Os congumelos mais populares, hoje, certamente são o shiitake e o shimeji, além do cogumelo Paris (champignon)

Os cogumelos entraram na dieta do brasileiro para nunca mais sair. Inicialmente introduzido como substituição da carne na alimentação dos vegetarianos, atualmente ele é quase uma unanimidade mesmo para quem consome carne.

As formas de prepará-los são quase infinitas. Os mais populares, hoje, certamente são o shitake e o shimeji, além do cogumelo Paris (champignon).

Vamos dar aqui três receitas com tipos diferentes de cogumelos e onde eles são simplesmente a estrela do prato. Anote e arrase!

Escondidinho de shimeji

Tradicionalmente o escondidinho é feito com mandioca, também chamada de aipim ou macaxeira dependendo da região do Brasil. Mas você pode substituir também por cará, tubérculo rico em vitaminas do complexo B ou inhame e até batata.

INGREDIENTES

  • 2 colheres de sopa de shoyu
  • 1 cebola média picada
  • 2 carás grande (ou mandioca/aipim/macaxeira)
  • 200g de shimeji (branco ou preto)
  • 1 colher de sopa de óleo vegetal
  • Sal a gosto

MODO DE PREPARO

  1. Transfira metade do purê para uma assadeira (utilizei uma retangular de 24 x 13 cm) e forre o fundo. Cubra com o refogado de shimeji, e por último, adicione outra camada de purê com o que sobrou;
  2. Adicione o shimeji, o shoyu e misture tudo. Deixe cozinhar por cerca de cinco minutos, mexendo de vez em quando;
  3. Enquanto o cará estiver cozinhando, prepare o shimeji. Lave bem os cogumelos em água corrente. Com as mãos separe-os em pedaços menores, reserve;
  4. Descasque o cará (ou a mandioca) e corte em pedaços pequenos. Leve ao fogo alto numa panela com água e um pouco de sal. Cozinhe até ficar macio;
  5. Aqueça o óleo vegetal em uma panela e adicione a cebola picada, refogue até ficar translúcida;
  6. Quando o cará estiver cozido, retire da água e amasse com um garfo até virar purê, ou passe por um espremedor. Caso o purê esteja muito seco, adicione um pouco da água do cozimento. Experimente e adicione mais sal se necessário;
  7. Leve ao forno preaquecido a 200º C por cerca de 25 minutos, ou ficar dourado por cima.

DICA: Você pode acrescentar ervas a gosto no purê para ficar mais saboroso e cheiroso, como orégano, alecrim e tomilho, por exemplo.

Bobó de Shiitake

Substitua o tradicional bobó de camarão por essa versão onde o Shiitake é a estrela principal.

INGREDIENTES

  • Sal a gosto
  • 1 vidro pequeno de leite de coco [200ml]
  • 3 colheres de sopa de azeite de dendê [se não tiver, pode usar de oliva]
  • 1 cebola grande picadinha [aproximadamente 1 xícara generosa]
  • 2 xícaras de abóbora descascada e cortada pequeno
  • 3 xícaras de aipim descascado e cortado pequeno
  • 1 pimentão verde pequeno picadinho
  • 150g de shiitake fresco picado
  • 1 litro de caldo de legumes [usei caldo feito em casa]
  • 1 pimentinha malagueta com semente e tudo ou algumas gotas de molho de pimenta
  • Coentro – praticamente 1/2 xícara de coentro picadinho

MODO DE PREPARO

  1. Em uma frigideira com um pouquinho de dendê ou azeite de oliva, salteie seus shiitakes até que estejam suculentos. Tempere eles com um pouquinho de molho de soja ou sal.
  2. Tá tudo bem cozidinho? Misture o leite de coco e prove. Já vai sentir aquele gostinho de bobó Se precisar, coloque sal. Se você usou caldo de legumes desses em cubinhos, talvez não precise. É importante provar pra não se afogar em sódio desnecessariamente.
  3. Agora é a hora do aipim e da abóbora irem pra panela. Refogue tudo bem refogado em fogo médio pra baixo e assim que começar a fritar com mais vigor, adicione o caldo de legumes.
  4. Em uma panela grandinha, doure a cebola no azeite de dendê até que ela fique macia.
  5. Acrescente então o pimentão verde e a pimentinha. A minha, colhi da horta aqui de casa – a primeira! É muito orgulho!
  6. Deixe seus vegetais cozinharem até que a abóbora e o aipim estejam bem macios. Não descuide da panela pra não grudar tudo no fundo! A abóbora vai cozinhar antes e o líquido da panela vai virando um creme aos poucos.
  7. Desligue o fogo e processe seu bobó. Se tiver um mixer, é só bater ali na panela mesmo. Senão, um processador ou liquidificador funcionarão bem.
  8. Acrescente o shitake e o coentro picadinho na sua panela de bobó e pronto!

DICA: O melhor acompanhamento pro bobó é o bom e velho arroz.

Cogumelos Paris recheados

Receita perfeita para servir como entrada para um jantarzinho delícia. Os cogumelos ficam lindos e com um ar sofisticado e o preparo é muito rápido, também é uma boa opção de acompanhamento.

INGREDIENTES

  • Azeite de oliva
  • Salsinha picada
  • Farinha de rosca
  • Cebola picado
  • Cogumelos paris
  • Alho picado
  • Queijo parmesão
  • Sal e pimenta
  • Água ou caldo de carne (bem pouquinho)

MODO DE PREPARO

  1. Desligue o fogo, adicione a farinha de rosca, o queijo ralado, a salsinha e misture bem. Tempere com o sal e a pimenta.
  2. Polvilhe um pouquinho de sal nos cogumelos, acomode-os em uma forma untada com azeite de oliva e reserve.
  3. Limpe os cogumelos (dicas abaixo) e com cuidado para não quebrar, retire os talos, assegure-se que há espaço suficiente para rechear, caso seja necessário, usando uma colher pequena, escave um pouco e delicadamente.
  4. Em uma frigideira coloque azeite de oliva, cebola e alho e refoque ligeiramente, adicione os cogumelos, refogue mais um pouco, acrescente a água ou caldo (+ ou – 3 colheres de sopa), é apenas para não queimar os ingredientes.
  5. O recheio deve ficar uma pastinha meio esfarelada, recheie os cogumelos e leve para assar em forno pré-aquecido, por 10 a 15 minutos em temperatura média.

Related posts

Leave a Comment