Suíço minimiza faltas em Neymar e diz que brasileiro ‘também cai muito’

Por Islei Cavalcante –

Das 19 faltas sofridas pelo Brasil no empate em 1 a 1 com a Suíça, neste domingo (17), na Arena Rostov, dez foram cometidas sobre Neymar. Recém-recuperado de cirurgia no pé direito, o camisa 10 foi “caçado” durante os 90 minutos e chegou a mancar após alguns lances mais ríspidos dos adversários. A estatística, no entanto, foi minimizada por Gelson Fernandes, meia da seleção europeia.

“É…muita falta. Mas ele cai muito também. De dez faltas, umas oito foram. Uma ou duas ele cai”, disse o jogador do Eintracht Frankfurt, após a estreia dos dois países na Copa do Mundo da Rússia.

“Não [planejou fazer faltas em Neymar]. A maioria dos duelos foi cravada de forma limpa e bastante correta. Tinha homem a homem com o Neymar, mas acho que foi um ingrediente chave para neutralizá-lo. Mas a seleção brasileira tem outros jogadores com qualidade.”

O maior algoz de Neymar na partida foi Dzemaili, autor de cinco infrações, nenhuma punida com cartão pelo árbitro mexicano Cesar Ramos, que ainda não marcou falta de Zuber em Miranda no gol de empate da Suíça.

Fernandes, por sua vez, preferiu menosprezar o polêmico lance do gol da Suíça nas entrevistas pós-jogo. “Eu não vou contestar um gol a meu favor”, disse o meio-campista, que fala português -ele nasceu em Cabo Verde. Com informações da Folhapress.

Related posts

Leave a Comment